By

Alegria e Entusiasmo para toda a família

Foi inaugurado no domingo dia 26 de junho, o Projeto Sagrada Família, na sede do setor masculino dos Arautos do Evangelho. A iniciativa visa aproximar pais e filhos dentro das atividades proporcionadas pelos Arautos. Participaram da atuação as famílias dos alunos integrantes do Projeto Futuro e Vida.

image019

Read More

By

Lançamento da Pedra Fundamental – Capela dos Arautos do Evangelho

A prestigiosa revista “Maringá Missão”, da Arquidiocese da conhecida Cidade Canção, traz em sua edição de agosto deste ano, a seguinte notícia, a propósito da Bênção e Lançamento da Pedra Fundamental da Capela Nossa Senhora do Bom Sucesso, dos Arautos do Evangelho:

Pedra Fundamental – Capela dos Arautos do Evangelho

Arcebispo Metropolitano de Maringá, dom Anuar Battisti preside Santa Missa e abençoa a pedra fundamental da construção da Capela dos Arautos do Evangelho – Estrada Venda 200 – saída para Iguaraçu. 27 de junho de 2015. Contou com autoridades civis e religiosas, membros missionários da Obra e parte do povo de Deus. Entre as autoridades religiosas padre Luiz Carlos de Azevedo – Pároco da Região e do Vigário Padre Neri Dione Squisati.¹

¹ Maringá Missão – Ano XVIII, n° 194. Agosto/201501

By

Feliz e Santo Natal!

Caríssimo leitor, desejamos um Feliz e Santo Natal! Nesta data tão importante para todos os cristãos, convidamos para juntos fazermos uma breve consideração a respeito do Santo Natal, voltando nossos olhos para o belo e inocente Menino Jesus, na fria gruta de Belém.

Quis Deus que o começo da meditação de todos os homens a respeito do Santo Natal fosse considerar como pequeno e pobre Aquele que é o Arqui-grande, Aquele cuja grandeza é infinita e o firmamento não pode conter. Como pode ser que um Deus tão grande e tão poderoso se fizesse tão pequeno por amor a nós? Aquele que é digno de toda honra, de toda homenagem e de toda adoração, quis nascer em uma manjedoura, sendo aquecido por um burrinho e um boizinho. É uma realidade tão alta e profunda que não conseguimos abarcá-la toda com um só olhar; tampouco com vinte mil olhares que fossem…

Se considerássemos apenas a inteligência divina de Nosso Senhor Jesus Cristo no Presépio. Se somássemos a genialidade dos maiores homens de toda a história – em todas as áreas do conhecimento humano – acrescida ainda da perfeitíssima e elevadíssima iluminação de todos os Coros Angélicos celestes, teríamos ainda uma ideia pálida e imperfeita da sublime Sabedoria do Homem-Deus, porque Ele já teve o pleno uso da razão desde o primeiro instante de sua concepção. Entretanto, é apenas um Menininho frágil e indefeso, que com um gesto simples pede um pouco de leite a Nossa Senhora, dependendo dEla inteiramente nas mínimas coisas. Oh Divino paradoxo!

Caro leitor, aqui vemos a grandeza da missão e da santidade da Santíssima Virgem: o Menino Jesus quis depender dEla em absolutamente tudo, nas mínimas coisas. Ela foi o sacrário vivo onde habitou a Sabedoria eterna e encarnada – o Deus todo-poderoso que veio ao mundo para a nossa redenção – sendo inteiramente fiel e submissa à vontade de Deus, pois Ela foi desde o princípio a “cheia de graça”. Também quis o Menino Jesus ter um Pai perfeito, descendente de Davi, que fosse o chefe da Sagrada Família – São José. O Divino Infante quis ser submisso a eles em tudo.

Peçamos a Nossa Senhora e São José neste Natal que nos conceda uma obediência completa à vontade de Deus, a exemplo do Menino Jesus, que se fez pobre e pequeno por amor a nós.

Os Arautos do Evangelho de Maringá desejam a todos as mais abundantes e especialíssimas graças nesta grande solenidade! Que o Menino Jesus nos conceda a graça de amá-Lo de todo o nosso coração, para um dia podermos contemplá-Lo eternamente no Céu. Salve Maria!

By

Arautos do Evangelho realizam tocata natalina na PUC

Os Arautos do Evangelho tiveram a alegria de, neste dia 20 de novembro, realizar apresentação musical natalina na Pontifícia Universidade Católica do Paraná (PUCPR), no Câmpus de Maringá. Foi uma das primeiras tocatas natalinas deste ano, contando com a presença do corpo docente, discente funcionários da Instituição.

Ao ouvirem os primeiros acordes – tão conhecidos e desejados neste período – os alunos ficaram surpresos e maravilhados. Foram rapidamente ao pátio central para assistir ao cortejo dos Arautos que entrava solenemente no estabelecimento de ensino. Após um breve comentário sobre as singelas melodias natalinas, feito pelo Revmo. Pe. Roberto Takeshi Kiyota, EP, Sacerdote dos Arautos, iniciou-se a apresentação musical.

Ao término, os alunos puderam também acompanhar as comovedoras palavras de agradecimento do Prof. José Jesus Previdelli, Diretor do estabelecimento. Destacou ele “a importância do trabalho dos Arautos neste período natalino, porque realmente é preciso em nossos dias resgatar o verdadeiro sentido do Natal. Saibamos colocar no centro o Menino Jesus, que se fez homem para nossa salvação.”

Agradecemos a acolhida e bem-querença da parte dos alunos, professores e demais integrantes da equipe da PUC, e desejamos que este Natal seja ocasião de muitas graças para todos. Agradecemos de uma maneira especial ao Prof. Me. Marcus Geandré Nakano Ramiro, coordenador do Curso de Direito da PUC e portador do convite que deu ocasião para que os Arautos partilhassem das alegrias do Santo Natal na Universidade. Peçamos com confiança a Nossa Senhora que possamos ter uma plena união com Ela e com seu Divino Filho.

Até a próxima!

By

Frase da Semana – São Leão Magno, Papa

Pereça o que é velho, surja a novidade!

São Leão Magno, Papa, séc. V (1)

São muitos os católicos, nos dias de hoje, que buscam intensamente – até com certo frenesi – “novidades”. Basta acompanhar o noticiário, assistir aos telejornais, conferir nas redes sociais e lá estão modas, costumes e ensinamentos néo-pagãos à espreita daqueles que queiram a eles aderir. Essas “novidades”, em si, diferem e contrastam radicalmente com as Verdades da Fé abraçadas pelos cristãos no Batismo.

São Leão Magno, Papa – Notre Dame de Montreal – Canadá

Mas, o que vem a ser, propriamente, a novidade, estampada na Frase da Semana, atribuída ao grande Papa São Leão Magno (2)? Este santo – que a Liturgia da Igreja comemora esta semana – viveu no século V, dedicando-se com grande zelo a combater o paganismo ainda vigente, à época, em muitos meios cristãos. Justamente, a novidade apresentada por São Leão em seu sermão é viver integralmente a condição de católico, “diante das solicitações do mundo e das insídias demoníacas, dando-se conta de condição de filhos de Deus e do resgate recebido pela morte de Jesus na Cruz” (3). Ninguém pode servir a dois senhores (Cfr. Mt 6,24; Lc 16.13).

Pela Redenção, fomos libertados das trevas do paganismo e o preço pago por nossa Salvação não foi pequeno, como ensina São Leão:

Arrancados assim por tão alto preço e por tão grande mistério ao poder das trevas e libertados dos laços da antiga escravidão, tomai cuidado, caríssimos, para que o diabo não corrompa a integridade de vossas almas mediante algum artifício. Tudo o que vos foi inculcado contra a fé cristã, tudo o que vos for aconselhado em oposição aos mandamentos de Deus, tudo isso vem dos enganos do diabo: é ele que, por inúmeros artifícios, se esforça para vos desviar da vida eterna, aproveitando certas ocasiões ligadas à fraqueza humana, para fazer recair nos laços de sua própria morte as almas incautas e negligentes. Lembrem-se, pois, todos aqueles que foram regenerados pela água e pelo Espírito Santo, daquilo a que renunciaram […] (Sermão 52,5) (4)

O excelente conselho do Santo para os homens de seu tempo é bastante atual para nossa época, pois este é o risco que correm todos os católicos em seu dia-a-dia: esquecerem-se de sua Salvação e abraçar as “novidades” contemporâneas neo-pagãs. Porventura, ser católico autêntico nos dias de hoje vai também, aos poucos, tornando-se uma novidade, como o era no tempo de São Leão?

Para perseverarmos na Fé com integridade, devemos contar com o auxílio da Graça de Deus, que nos é dado através da Oração perseverante. Jamais devemos desanimar nesse caminho. O próprio São Leão compôs uma oração eficaz contra o desânimo, que devemos rezar frequentemente (5). Sobretudo, a indispensável intercessão de nossa Mãe Santíssima sempre há de nos ajudar!

São Leão Magno, rogai por nós! Salve Maria!


(1) São Leão Magno, Sermão, Sermão 71,1, in Diác. José Victorino de Andrade, EP. Costumes pagãos entre os cristãos do Séc. V: Soluções e propostas nos Sermões de São Leão Magno. Mestrado en Teologia Moral. UniversidadPontificia Bolivariana, 2010. Disponível em: Blog Presbíteros Arautos.

http://presbiteros.arautos.org/tag/sao-leao-magno/

(2) Conheça aspectos da biografia de São Leão Papa, visitando o Site dos Arautos do Evangelho:

http://www.arautos.org/especial/42007/Sao-Leao-Magno–o-grande-Leao-da-Igreja.html

(3) Diác. José Victorino de Andrade, EP. Costumes pagãos entre os cristãos do Séc. V: Soluções e propostas nos Sermões de São Leão Magno. Mestrado en Teologia Moral. UniversidadPontificia Bolivariana, 2010. Disponível em: Blog Presbíteros Arautos.

http://presbiteros.arautos.org/tag/sao-leao-magno/

(4) Idem.

(5) Arautos do Evangelho. Blog Apostolado do Oratório. Eficaz oração de São Leão Magno contra o desânimo. Disponível em: http://oratorio.blog.arautos.org/2014/11/eficaz-oracao-de-sao-leao-magno-contra-o-desanimo/

%d blogueiros gostam disto: