By

Foz do Iguaçu

Alunos da Escola Arautos do Evangelho de Curitiba, Ponta Grossa e Maringá, mais alunos do Projeto Futuro e Vida dessas cidades, uniram-se para um passeio histórico!

Repleto de fortes emoções, foi essa viagem marcada, sobretudo, pelo convívio e benquerença, notas dominantes e características entre os Arautos. O percurso teve início no dia da solenidade da Padroeira do Brasil. Cada conjunto partiu de sua cidade, o encontro na hospedagem foi selado com a Santa Missa em honra aos 300 anos de Nossa Senhora Aparecida.

Os locais visitados foram vários: Parque das Aves, Usina de Itaipu e, claro, as cataratas do rio Iguaçu. Nestas, a aventura teve seu momento auge quando fizeram o passeio no “macuco safari”, sentindo a força das águas bem de pertinho!

Momentos como esses são muito proveitosos para os jovens participantes. Além de se enriquecerem culturalmente, crescem em experiência e maturidade, aprendem não só na teoria, mas na prática, pois estão em locais ricos de significados.

Só o Parque das Aves conta com dezessete hectares de mata nativa, cerca de 1000 aves de 150 espécies brasileiras, além de outros exemplares exóticos, constituindo-se assim como o maior parque de aves da América Latina.

A usina de Itaipu, binacional, é líder mundial em produção de energia limpa e renovável. Fornece cerca de 17% da energia consumida no Brasil e 76% no Paraguai. Seu reservatório, com 1.350 km² de área inundada, é o sétimo maior do Brasil, mas dispõe do melhor índice de aproveitamento da água para produzir energia entre os grandes reservatórios brasileiros. Agora um dado que impressiona, o vertedouro tem a função de descarregar toda a água não utilizada para geração. A capacidade máxima de descarga do vertedouro é de 62,2 mil m³/s, 40 vezes superior à vazão média das Cataratas do Iguaçu.

Apesar de obra tão faraônica, ainda as Cataratas acabam chamando mais a atenção. A junção entre toda aquela mata, aquele verde exuberante, com animais pitorescos a lhe acompanhar e o fragor estrondoso das águas, mais a proximidade com uma das quedas, de cujo vapor não se consegue escapar, constituem um conjunto grandioso. Sem dúvidas reflete a dadivosidade de Deus. São, nada mais nada menos, que um conjunto de cerca de 275 quedas d’água ao longo de 2,7 km do rio Iguaçu. A maior delas tem o formato de “U”, 82 m de altura, 150 m de largura e marca a fronteira entre Brasil e Argentina.

Rogamos que a Virgem Mãe Aparecida, a qual foi encontrada num rio, mas bem longe dali, faça com que esse nosso imenso Brasil, cheio de imensas maravilhas, tenha nesses jovens a realização de uma imensa esperança, esperança de um Brasil inteiramente transformado nos Corações de Jesus e Maria!

Faça um Comentário!

%d blogueiros gostam disto: