By

IV Acampamento Regional Sul

Diz um salmo: “…qual o homem que não ama sua vida, procurando ser feliz todos os dias?…”, de fato, não paramos sempre para pensar nisso, mas é o ideal de todo ser humano, ser feliz. Entretanto, nem todos sabem bem exatamente como atingir essa meta e passam a procurar a felicidade em aspectos secundários e transitórios da vida, eis uma das razões de tanta frustração no mundo, não acha?!

Devemos ajuntar tesouros aonde as traças não corroem, os ladrões não roubam e a ferrugem não estraga, mas como fazer isso?

O grande educador, São João Bosco, bem nos responde, dirigindo-se mais especificamente aos jovens, mas suas palavras podem muito bem ser aplicadas a qualquer um de nós. Escreveu ele um livro que ficou conhecido como “O jovem instruído”, o qual pode ser encontrado em português sob o título “Carta aos jovens de todos os tempos” [1]. Nele, o grande santo de Turim nos dá valiosos ensinamentos. Já no prólogo ele externa seu zelo, carinho e afeto pelas almas e o objetivo altíssimo da obra: “Quero ensinar-vos um modo de vida cristã que vos manterá alegres e contentes, fazendo-vos conhecer ao mesmo tempo quais são as verdadeiras diversões e os verdadeiros prazeres, para que possais exclamar com o santo profeta Davi: ‘Sirvamos ao Senhor com alegria’ (Salmo 99, 2). É bem esse o objetivo deste trabalho: ensinar-vos como servir ao Senhor sem nunca perder a alegria.”

(…)”Um modo de vida cristã que vos manterá alegres e contentes, fazendo-vos conhecer ao mesmo tempo quais são as verdadeiras diversões e os verdadeiros prazeres”(…) Com esse intuito é que os Arautos do Evangelho realizaram o IV Acampamento Regional Sul, nesses dias de feriado de “Corpus Christi”, colocando em prática os métodos, princípios, experiências e ensinamentos de Dom Bosco, bem como outros grandes educadores da juventude. Realmente, viu-se que a verdadeira felicidade (perene, estável, durável e sólida) está condicionada à prática das virtudes cristãs e a consequente união com Deus. Houve teatros, jogos, brincadeiras, palestras, conversas, barracas, Missas, confissões, procissões e momentos de oração, tornando o ambiente ao mesmo tempo aprazível e elevado.

Participaram alunos e familiares do Projeto Futuro e Vida das cidades de Maringá, Joinville, Ponta Grossa e Curitiba. Pais e filhos experimentaram e quase apalparam as bênçãos e graças que lá foram derramadas. Certamente, nesses dias, eles puderam exclamar com o santo profeta Davi: ‘servimos’ ao Senhor com alegria! Esperamos que as sementes plantadas encontrem terreno fértil, para que assim possam germinar e frutificar, fazendo desses momentos de alegria uma constante na vida de cada um.

………………………………

[1] Carta aos jovens de todos os tempos. Artpress – São Paulo. 2ª edição – 2004.

Faça um Comentário!