By

Fantástico entrevista Arautos do Evangelho: Assista a íntegra que a Globo não publicou

No marco da comunicação, feita esta semana aos Arautos, do Decreto de Comissariamento emitido pelo Vaticano, a Rede Globo parece haver tido um surto de interesse a respeito da nossa Associação, talvez especialmente atraída por uma onda de notícias difamatórias que agências de jornalismo pouco escrupulosas têm difundido. Isto deu-nos a oportunidade de desmistificar, numa entrevista ao programa Fantástico (gravada no dia 19 de outubro de 2019, para ser inserida numa reportagem lançada no dia seguinte), as principais fantasmagorias que têm procurado espumar muito em pouca água. Entretanto, devido às compreensíveis restrições do programa Fantástico em matéria de tempo e de agenda, a entrevista de pouco mais de 45 minutos não irá ao ar completa. Para aqueles que nos acompanham e que se interessam com notícias desprovidas de qualquer amputação, colocamos à disposição a íntegra da gravação. A TV Arautos é uma iniciativa de Monsenhor João Scognamiglio Clá Dias. Monsenhor João Clá teve sua formação no pensador católico: Plinio Corrêa de Oliveira. Outros programas como a Bíblia Sagrada, Os Anjos, Tesouros da Fé abordam temas católicos. Inscreva-sem em nosso canal e faça parte da Nossa Família.

 

By

Que essas pessoas parem de falar mal e venham conhecer a verdade!

Quem não conhece os Arautos do Evangelho pessoalmente deveria seguir o conselho de Da. Cristiane, as portas estão abertas.

“Venha aqui conhecer, venha aqui trabalhar um pouquinho conosco, aí você vai entender o que são os Arautos do Evangelho.

“Respeito, carinho, amor e dedicação, aqui é uma família que eu conquistei ao longo dos anos, e da qual eu não quero nunca mais me afastar. Nunca, nunca mesmo… aqui é a minha família.

“Meu filho ajudando… meu esposo me ajudando na cozinha… meu pequeno participando do projeto… não tem alegria maior para uma família do que poder participar de uma Ordem dessas.”

By

“A mentira é mais rápida do que a verdade”

“Nós que estamos lá dentro não vemos nada disso que eles falam. É uma injustiça; tudo o que eles falam é muito injusto. Eu gostaria muito que a mídia também me procurasse.

Embora Da. Cláudia tenha razão, e a mentira seja mesmo mais rápida do que a verdade, a ela cabe a expressão do Salmista: é passageira, floresce de manhã, e à tarde é cortada e seca. 

Que Da. Cláudia não desanime, já está chegando a hora em que as mães começarão a ouvir a verdade que está por trás de toda essa perseguição.

By

Comunicado de Imprensa da Associação Privada de Fiéis 
Arautos do Evangelho sobre o Comissariado

O Presidente da Associação Privada de Fiéis de Direito Pontifício Arautos do Evangelho, Felipe Eugenio Lecaros Concha, junto com seu Conselho Geral, acolheu na última quinta-feira, 17 de outubro, com respeito e espírito eclesial, a visita de Sua Eminência D. Raymundo Damasceno Assis e de Sua Excelência D. José Aparecido Gonçalves de Almeida, portadores de um Decreto emanado pela Congregação dos Institutos de Vida Consagrada e as Sociedades de Vida Apostólica com o intuito de notificar oficialmente o início do comissariado desta Associação Arautos do Evangelho.  Read More

By

XXVIII Domingo Tempo Comum

Resumo dos Comentários de Mons. João Scognamiglio Clá Dias, no Inédito Sobre os Evangelhos.

A lepra, enfermidade simbólica.

Neste Evangelho Nosso Senhor nos mostra a lepra como uma doença simbólica, pois ela destrói o organismo e deforma a beleza do semblante. Ora, muito pior que a lepra física é a espiritual contraída por quem comete um pecado mortal. Se a lepra física deforma o corpo a espiritual enfeia a alma, a torna repulsiva diante dos olhos de Deus e faz com que a pessoa se torne escrava de suas más tendências e paixões. O leproso físico era expulso de uma sociedade enquanto que o espiritual é retirado de uma sociedade muito mais excelente, a divina, pela privação da graça santificante, das virtudes, dos dons, de todo o organismo sobrenatural e, sobretudo, da inabitação da Santissima Trindade. “A lei dos judeus considera a lepra como uma doença imunda, e a lei do Evangelho não considera imunda a lepra externa, mas sim a interna.” Read More

%d blogueiros gostam disto: