A Jesus, pelas mãos de Maria!

Foi por intermédio da Santíssima Virgem Maria que Jesus Cristo veio ao mundo, e é também por meio dela que ele deve reinar no mundo (Tratado, Introdução, n. 1).

Assim inicia S. Luís Maria G. de Montfort o seu magistral Tratado da Verdadeira Devoção. Toda a finalidade do livro e toda a intenção que o grande santo mariano teve em escrevê-lo já estão anunciadas nessas ardentes palavras. Confessando “com toda a Igreja que Maria é uma pura criatura saída das mãos de Deus (Cap. I n. 14), o santo nos aponta para a necessidade da profunda devoção a Nossa Senhora, pois “por meio de Maria, Deus Pai quer que aumente sempre o número de seus filhos, até à consumação dos séculos” (n.29)

Com profunda gratidão a Nossa Senhora, temos visto nos últimos anos, centenas de pessoas buscando seguir esses abrasadores conselhos de S. Luís. Os Arautos do Evangelho, em Maringá, na medida de suas possibilidades, têm procurado reunir essas pessoas, proporcionando a elas a oportunidade de estudarem o Tratado, para que, assim, após sérias reflexões, abraçar esse “caminho fácil, curto, perfeito e seguro” para irem até Jesus Cristo (Tratado, Cap. V).

Esta Devoção, bastante difundida no mundo católico foi especialmente incentivada e praticada pelo Beato João Paulo II, o qual, no discurso aos participantes do VIII Colóquio Internacional de Mariologia, assim se expressou:

“São Luís Maria Grignion de Montfort constitui para mim uma significativa figura de referência, que me iluminou em momentos importantes da vida. Quando, como seminarista clandestino, eu trabalhava na fábrica Solvay de Cracóvia, o meu director espiritual aconselhou-me a meditar sobre o Tratado da verdadeira devoção à Santa Virgem.Li e reli muitas vezes, e com grande proveito espiritual, este precioso livrinho ascético de capa azul que se tinha manchado de soda. Ao situar a Mãe de Cristo em relação ao mistério trinitário, Montfort ajudou-me a entender que a Virgem pertence ao plano da salvação por vontade do Pai, como Mãe do Verbo encarnado, por Ela concebido por obra do Espírito Santo. Toda a intervenção de Maria na obra da regeneração dos fiéis não se põe em competição com Cristo, mas d’Ele deriva e está ao seu serviço. A acção que Maria realiza no plano da salvação é sempre cristocêntrica, isto é, faz directamente referência a uma mediação que acontece em Cristo. Compreendi, então, que não podia excluir da minha vida a Mãe do Senhor, sem desatender a vontade de Deus-Trindade, que quis “iniciar e realizar” os grandes mistérios da história da salvação com a colaboração responsável e fiel da humilde Serva de Nazaré”2

Vemos que Nossa Senhora tem por esta Arquidiocese de Maringá, que se lhe consagra sob o título de Nossa Senhora da Glória, uma predileção especial; e que nestas terras, além de soja e milho em abundância, nascem também almas generosas, que reconhecem que Consagrar-se, nas palavras de Dom Murilo Krieger, nosso segundo arcebispo e atual arcebispo de Salvador “é imitar o gesto da Virgem Santíssima, que se entregou totalmente a Deus, (…) é refugiar-se sob a proteção da Santa Mãe de Deus, (…), é renovar os votos batismais, respeitando, pois a única mediação de Cristo e procurando a maturidade espiritual”. 3

Queremos aumentar cada vez mais o número desses filhos especialmente consagrados a Jesus Cristo, pelas mãos de Maria.

Portanto, neste mês de Fevereiro, a partir do dia 24 (domingo) daremos início a mais duas turmas que, durante 10 semanas ininterruptas irão preparar-se para essa Consagração, segundo o método de S. Luís Maria Grignion de Montfort. Essa preparação será realizada simultaneamente em dois locais: na Comunidade dos Arautos e na Paróquia N. Senhora da Liberdade. (veja os detalhes abaixo).

Se você também desejar que Maria Santíssima lance suas raízes na sua alma e nela produza “maravilhas de graça” (Tratado, n. 35), venha fazer a sua preparação!

Envie um e-mail para o endereço: [email protected] indicando a sua preferência de local, que lhe encaminharemos a ficha de inscrição.

As vagas são limitadas!

Para conhecer mais sobre a Consagração, leia o excelente artigo do Revmo. Pe. Juan Carlos Casté, EP, no site dos Arautos! 4

(JC)

Consagração Solene 21 de Maio de 2012
Paróquia N.Sa. de Guadalupe – Maringá – PR

CURSO DE PREPARATÓRIO

Consagração a Jesus Cristo, pelas mãos de Maria

 

Início das Turmas: 24/02, domingo, das 15h30 às 16h30

Duração: 10 semanas.

Consagração Solene: 05 de Maio de 2013.

LOCAIS:

1) Comunidade dos Arautos em Maringá
Rua Jair do couto Costa, 15
Fone: 3028-6596
 
 
2) Paróquia N.Senhora da Liberdade – MaringáSalão Paroquial
Rua Júlio Mesquita, s/n – Praça da Capela – Jardim América – Maringá
Fones: 3031-7970 e 3031-7974 – Email: [email protected]
Secretária: Cleusa

 

Mande um e-mail para o endereço: [email protected], ou também, através dos comentários deste Blog que lhe enviaremos a Ficha de Inscrição.

 

1 S.Luís Maria Grignion de Montfort. Tratado da Verdadeira Devoção à Santíssima Virgem. Petrópolis: Vozes, 38ª. Ed. 2009.
 
2 João Paulo II. DISCURSO DO SANTO PADRE AOS PARTICIPANTES NO VIII COLÓQUIO INTERNACIONAL DE MARIOLOGIA. Roma, 13 de outubro de 2000. Disponível em www.vatican.va
 
3 Dom Murilo S.R. Krieger, scj. Com Maria, a Mãe de Jesus. São Paulo: Paulinas, 2001. P. 308 e 309.
 
4 Pe. Juan Carlos Casté, EP. O prêmio da escravidão a Maria Santíssima. Disponível em: http://www.arautos.org/noticias/36438/O-premio-da-escravidao-a-Maria-Santissima