By

O Domingo de Ramos, portal de entrada da Semana Santa.

 Na Liturgia do Domingo de Ramos, “a Igreja comemora, ao mesmo tempo, as alegrias da entrada triunfal de Nosso Senhor Jesus Cristo em Jerusalém e o início de sua Via Sacra, com a proclamação da Paixão no Evangelho da Missa”.(1) A partir do Domingo de Ramos, todas as celebrações nos convidam a contemplar os acontecimentos mais importantes da nossa Redenção.

 Jesus entra triunfalmente em Jerusalém e é aclamado como Rei: “Bendito o Rei, que vem em nome do Senhor!” (cf. Lc 19,38). Mas… estas mesmas pessoas em pouquíssimo tempo já estariam pedindo a sua condenação à morte na cruz.

 Quando alguns fariseus tentaram impedir que Jesus fosse reverenciado, louvado como Rei, o Mestre os repreendeu duramente, dizendo: “Se eles se calaram, as pedras gritarão” (cf Lc19,40). Ora, se até as pedras poderiam gritar para louvar o nosso Deus, como é possível que fiquemos indiferentes diante de Jesus que passa por nós? Iremos adorá-LO em nosso coração, ou seremos frios e recusaremos a intensidade do Amor que Ele demonstra por nós, a ponto de derramar até a última gota de seu Sangue Divino?

Na celebração do Domingo de Ramos do ano passado, o Papa Bento XVI recordou aos fiéis, em sua maioria jovens, presentes na Praça de S. Pedro, que “somos chamados a seguir o nosso Rei que escolhe a cruz como trono; somos chamados a seguir um Messias que não nos garante uma felicidade terrena fácil, mas a felicidade do céu, a bem-aventurança de Deus. Por isso, devemos perguntar-nos: Quais são as nossas reais expectativas? Quais são os desejos mais profundos que nos animaram a vir aqui, hoje, celebrar o Domingo de Ramos e iniciar a Semana Santa?”(2)

Procuremos, portanto, viver intensamente a Semana Santa que começa, já a partir da celebração do Domingo de Ramos.

Procure saber os horários e a programação da Semana Santa em sua Paróquia e participe com fervor!

 

Os Arautos do Evangelho celebrarão a Missa do Domingo de Ramos, a partir das 17h, neste Domingo, 24/03, na Capela São Francisco de Assis, que pertence à Paróquia N.Senhora de Guadalupe, em Maringá.

 Maiores informações, na Comunidade dos Arautos, pelo fone 3028-6596.

 TODOS ESTÃO CONVIDADOS!

 

1) Monsenhor João Clá Dias. O inédito sobre os Evangelhos. Vaticano/S. Paulo: Libreria Editrice Vaticana/Instituo Lumen Sapientiae, 2012. Página 255.
2)Disponível em: http://www.arautos.org/noticias/35402/Ao-dom-do-amor-de-Deus-temos-que-responder-com-o-dom-de-nos-mesmos–convida-o-Papa-no-Domingo-de-Ramos.

By

Momentos únicos de convivência fraterna: duas visitas inesquecíveis!

As visitas, no relacionamento humano, têm um papel muito especial: estreitam amizades e permitem o convívio entre os amigos. E isto, quer visitando, quer sendo visitado! Foi o que se deu neste terceiro final de semana de Março com os Arautos de Maringá.

Visitando a Rádio Colméia.

No sábado, 16/3, os Arautos tiveram a alegria de visitar a Sede da Rádio Colméia (AM 1170 kHz), na cidade de Mandaguaçu – Região Metropolitana de Maringá (PR). Com excelente infra-estrutura, a emissora da Arquidiocese de Maringá, afiliada à Rede Católica de Rádio, acompanha e noticia – esmerando-se no profissionalismo – o que se passa no Brasil e no Mundo.

Esta visita deu-se, especialmente, para participar da “Manhã Interativa”, um Programa de informação – ao vivo – conduzido pelo jovem e dinâmico locutor Paulo Ramires.

Paulo Ramires e o Revmo. Pe Takeshi

O programa desenrolou-se com uma feliz mescla de perguntas, respostas, comentários e músicas, executadas pelo coral e banda dos Arautos de Maringá. A maestria com que foi conduzida a entrevista e as abordagens feitas pelo nosso acadêmico de jornalismo Paulo Ramires, as respostas cheias de bom conteúdo e vivacidade do Reverendíssimo Padre Takeshi, EP, os cantos e os sons instrumentais dos Arautos, sem dúvida, concorreram para uma excelente audiência, agradando ao público ouvinte – conforme repercussões que nos chegaram aos ouvidos.

Assim, para os jovens Arautos, foi uma visita inesquecível. Abraços ao Paulo Ramires e a toda querida Equipe da Rádio Colméia.

Recebendo a visita do Auditor do Tribunal da Rota Romana

No Domingo, 17/3, pela manhã, a Sede dos Arautos em Maringá estava especialmente lisonjeada. Não é para menos. Recebemos a visita do Prelado Auditor da Rota Romana, Mons. Piero Amenta. Está ele aproveitando sua viagem a São Paulo – aonde vem ministrando um Curso de Direito Canônico no Seminário dos Arautos – para uma visita, muito rápida, às sedes dos Arautos na capital paranaense e na Cidade Canção.

Com efeito, sabemos que a Rota Romana é o Tribunal ordinário, instituído pela Santa Sé, portanto, um tribunal do Sumo Pontífice, “constituído, principalmente para receber as apelações” (conferir – Revista Arautos – março/2008, p. 18 a 19). Assim, o tribunal não julga em nome próprio, mas em nome do Papa.

Momento ápice da presença do Prelado foi a celebração da Eucaristia. A Santa Missa coroou a visita de Mons. Piero Amenta, num momento de convívio supremo em que Nosso Senhor se faz presente nas Sagradas Espécies, em Corpo, Sangue, Alma e Divindade e também visita aos por Ele amados! Deus seja louvado! E Nossa Senhora, a quem devemos a intercessão eficaz junto ao Seu Divino Filho, que tudo de melhor pede por nós.

By

Atividades do primeiro final de semana de março…

Queremos expor, com o presente texto, as atividades promovidas pelos Arautos no primeiro final de semana de Março. Graças à abundância de Bênçãos dispensadas pela Santíssima Virgem, puderam ser desenvolvidas as seguintes atividades:

Devoção do Primeiro Sábado na Paróquia Nossa Senhora da Liberdade

Conforme havia sido divulgado anteriormente neste mesmo Blog, ocorreu no Primeiro Sábado deste mês de março uma solene cerimônia na Paróquia Nossa Senhora da Liberdade, por ocasião da prática da Comunhão reparadora dos cinco primeiros sábados, pedida pela Santíssima Virgem em Fátima. As atividades começaram com o atendimento de confissões, seguido pela meditação de um dos mistérios do Rosário e a oração do Terço. Às 19h teve início o Santo Sacrifício da Missa, presidida pelo Revmo. Pe. Roberto Takeshi Kiyota, EP, com a solene coroação da imagem de Nossa Senhora de Fátima. A Cerimônia foi animada pelo coro dos Arautos.

Participaram cerca de 900 pessoas!

Explica-nos o fundador dos Arautos, Mons. João Clá, que “a compaxião de Maria se derrama sobre quem a pede, ainda que não medeiem outras orações mais que a de uma breve Ave-Maria. […] A Santíssima Virgem não apenas corre, mas voa em auxílio de quantos A invocam. No exercício de sua misericórdia, Ela imita a Deus, que também voa sem demora em socorro dos que O chamam. Quando é invocada, logo está pronta para ajudar a quem A chamou em seu auxílio” 1 Se alguém que recorre à Rainha do Céu com uma simples Ave-Maria obtém dela esse auxílio, qual não será o daqueles que fizerem a Comunhão reparadora contra as ofensas cometidas contra Ela? Está aí o valor desta devoção.

Oração: grande meio para conseguir a salvação e escudo para enfrentar os reveses da vida de hoje. Tema do II Simpósio Doutrinário 2013

No primeiro Domingo do mês de março, ocorreu na Comunidade dos Arautos o “Segundo Simpósio Doutrinário 2013”, com tema “Oração: grande meio para conseguir a salvação e escudo para enfrentar os reveses da vida de hoje”. Trata-se de um aprofundamento a respeito da necessidade da Oração para a santificação e progresso espiritual. Que faz a Oração? Qual é o seu valor? São perguntas que ocorrem de tempos em tempos em nosso íntimo e que, mesmo como bons católicos, há necessidade da formação de princípios claros, lógicos e precisos.

Nos ensina o Catecismo da Igreja Católica que a Oração é a elevação da alma a Deus, para pedir-lhe graças e agradecer-lhe.2

Para mim, a oração é um impulso do coração, é um simples olhar lançado ao Céu, um grito de reconhecimento e amor no meio da provação ou no meio da alegria”3, nos ensina Santa Teresinha do Menino Jesus.

Esses e muitos outros assuntos foram comentados com clareza e profundidade neste II Simpósio Doutrinário.

Como encerramento do Curso houve ainda a Santa Missa na Capela São Francisco de Assis, presidida pelo Revmo. Pe. Roberto Takeshi Kiyota, EP, com a participação litúrgica do coro dos Arautos.

Encerramento do simpósio, na Capela São Francisco de Assis da Paróquia Nossa Senhora de Guadalupe

Encerramento do simpósio, na Capela São Francisco de Assis da Paróquia Nossa Senhora de Guadalupe

Continue acompanhando nossas atividades!

1 Dias, João Scognamiglio Clá. Pequeno Ofício da Imaculada Conceição Comentado. 2ª ed. S. Paulo: Ipsis, 2010. Págs. 33 e 34.

2Catecismo da Igreja Católica, n° 2559, pág. 657.

3 Sta. Teresa do Menino Jesus, Ms. Autob. C 25r.

By

Do Natal ao Tempo Comum

“E o Verbo Se fez carne e habitou entre nós” (Jo 1, 14).
Após o Tempo de Natal, no qual os fiéis puderam abundantemente celebrar a chegada do Deus Menino, a Santa Igreja, através da Liturgia, sabiamente nos propõe o Tempo Comum.

Como a natureza, que faz a suave transição entre o dia e a noite, num crepúsculo cheio de matizes, assim também a vida das pessoas vai, aos poucos, retornando à normalidade; a cidade, que ficou praticamente vazia recebe de volta os seus habitantes: as férias acabaram! Como os Santos Magos, as pessoas que vieram em férias para visitar os seus parentes começam a empreender o caminho de volta, viajando muitas vezes centenas de quilômetros até seus lares, em distantes e diferentes Estados, neste Brasil-Continente. Os trabalhos, os estudos, os compromissos do dia-a-dia, as contas a pagar estão ansiosamente esperando por todos e não há meio de se fugir deles. As inúmeras preocupações cotidianas, enfim, podem, aos poucos, substituir na mente e no coração das pessoas a sublimidade e a alegria próprias da época natalina. É o “tempo comum” que chegou. “A vida do homem sobre a terra é uma luta” (Jó 7,1). Não há escapatória.
Mas, ao mesmo tempo em que esse retorno à rotina é inevitável, é também perfeitamente possível, a exemplo de Maria, “conservar no coração” as inúmeras graças recebidas no Natal. De Sua parte, é claro, o Menino Deus quer morar em nosso coração durante todos os dias do ano: seja nos períodos mais festivos, seja nos períodos comuns, de calmaria ou de agitação, quando o peso do dia-a-dia parece querer nos sufocar. Certamente uma máquina digital registrou com seu flash os momentos de festa – esse mesmo flash deve iluminar o nosso coração e deixar ali registradas as graças recebidas por ocasião do Santo Natal. Vamos olhar e compartilhar as nossas fotos, relembrar as alegrias; porém, principalmente, vamos olhar para dentro de nossas almas e relembrar todas essas Graças!
Durante o período natalino, milhares de pessoas, nas igrejas, nos shoppings, nas ruas puderam contemplar e acompanhar (até literalmente, caminhando às vezes por quadras inteiras!) com verdadeiro entusiasmo às centenas de apresentações musicais conduzidas com contagiante alegria pelos jovens Arautos do Evangelho. Para registrar em detalhes essas dezenas e dezenas de horas de apresentação, para descrever as reações de contentamento e adesão às graças natalinas suscitadas nessas ocasiões, seriam necessárias muitas páginas de texto.

Assim devem ser – conforme sempre nos orienta nosso Fundador, Monsenhor João Clá, as apresentações e manifestações dos Arautos: Devem gerar, além de harmonia e paz, um enorme desejo de santidade. Devem, como consequência, gerar almas desejosas de servir cada vez mais a Deus e amar ao próximo, com verdadeira sinceridade e afeto. Enfim, um encantamento pelo Deus Menino que se fez homem e habitou entre nós. Um verdadeiro apostolado da Paz e da Harmonia – que deve perdurar por todo o ano no coração de todos.
De nossa parte, devemos elevar a Deus preces de agradecimento, pois pela intercessão de Nossa Senhora, nos foi possível viver esses momentos inesquecíveis de Santa alegria e capacitar as nossas almas para enfrentar as agruras e lutas de um tempo comum.
FELIZ ANO NOVO A TODOS!

By

Acompanhe nossas Apresentações Natalinas!

Apesentações Natalinas – Dezembro 2012

  • Dia 4: Às 19:00, apresentação no Shopping Cidade.
    Às 20:30, apresentação no Parque de Exposições de Maringá (Pavilhão Azul).
  • Dia 5: Às 9:00, apresentação na Receita estadual do Paraná.
  • Dia 6: Às 15:00, apresentação na Unidade de Saúde PIATAM (R. Rio Samambaia, 930).
    ÀS 16:00, apresentação na Justiça do Trabalho – Maringá (Av. Gastão Vidigal)
    Às 19:00, Missa e apresentação na Santa Casa de Maringá
    Às 22:00, apresentação na Chegada do Papai Noel – Maringá. (Praça Napoleão Moreira da Silva)
  • Dia 7: Às 8:00 Apresentação na ACIM.
    Às 19:00, Santa Missa e apresentação na Capela Nossa Senhora Aparecida (Bairro Requião)
  • Dia 8: Às 20:00, Santa Missa e apresentação em Uniflor.
    Às 22:00, apresentação no Parque do Japão – Maringá
  • Dia 9: Às 9:00, Santa Missa e apresentação em Lupionópolis-PR.
  • Dia 10: Às 20:00, apresentação na RPC – Maringá (Rua Santa Joaquina de Vedruna, 625 – Zona 5)
  • Dia 11: Viajem a SP até dia 16/12
  • Dia 17: Às 20:30, apresentação em diversos pontos da Av. Santos Dumont – Maringá.
  • Dia 18: Às 19:30, Apresentação na Escola Municipal Herbert de Souza (Av. Franklin Dellano Roosevelt, 1014)
  • Dia 19: Às 20:30, apresentação em diversos pontos da Av. Santos Dumont – Maringá.
  • Dia 20: Às 16:00, apresentação na Pneumar – Maringa (Avenida São Paulo, 829 – Zona 07)
    Às 20:00, apresentação na Capela São Sebastião (Ney Braga)
  • Dia 21: Às 10:30, apresentação no Centro de Socioeducação de Maringá (CENSE)
  • Dia 22: Às 19:00, Santa Missa e apresentação na Paróquia Nossa Senhora da Liberdade – Mringá
  • Dia23: Às 10:30, apresentação no Mercadão Municipal de Maringá
    Às 17:00, Santa Missa na Sede do Arautos do Evangelho – Maringá
    Às, 18:30, Apresentação no Shopping Avenida Center.

 

 

<img src=”http://mediablogs.arautos.org/maringa/files/2012/12/Shopping-II-300×225.jpg” alt=”” title=”Shopping II” width=”300″ height=”225″ class=”alignleft size-medium wp-image-964″ />