By

Onde encontrar a paz verdadeira?

Eis que estamos no término de um ano e abertura de Ano Novo. Novas reflexões e perspectivas vão se abrindo, carregadas de esperança. Sim, temos o Salvador, o Cristo Jesus, o Deus e Homem verdadeiro que vem até nós! E um dos anseios que nos vem ao coração, é sem duvida que se realize a Paz no mundo e nas famílias. Óh, quanto desejamos a paz! Porém, onde encontrá-la?

Uma luz se fez brilhar no já “distante” e, no entanto, tão próximo, início deste terceiro milênio: se dava o lançamento em 2002 da Carta Apostólica de João Paulo II sobre “O Rosário da Virgem Maria”. Apresentava nosso beato o terço como um verdadeiro compêndio do Evangelho que nos convida a meditar os mistérios da vida de Nosso Senhor Jesus Cristo, na escola de Maria.

Ora, esta contemplação dos mistérios do terço, desde os mistérios gozosos, iniciando pela Anunciação do Anjo, passando pelos luminosos (instituídos pelo Santo Padre, de feliz memória) e dolorosos e, por fim, chegando aos gloriosos com a Coroação de Nossa Senhora como Rainha do Céu e da terra, tem como centro a meditação sobre Aquele que é o Caminho, a Verdade e a Vida.

É nesta meditação que receberemos as luzes, forças e graças para encontrarmos a verdadeira paz. Como nos transmite o Catecismo da Igreja Católica, “toda a vida de Cristo foi um contínuo ensinamento: seus silêncios, seus milagres, seus gestos, sua oração, seu amor ao homem, sua predileção pelos pequenos e pelos pobres, a aceitação do sacrifício total na Cruz pela redenção do mundo, sua Ressurreição constituem a atuação de sua palavra e cumprimento da Revelação” (1). Por isto, “os discípulos de Cristo devem conformar-se com Ele até Ele se formar neles. É por isto que somos inseridos nos mistérios de sua vida, com Ele configurados, com Ele mortos e com Ele ressuscitados, até que com Ele reinemos” (2) [grifo nosso].

Assim, ao “estarmos inseridos nos mistérios da Vida de Jesus”, teremos a paz verdadeira que procuramos, para nós, nossas famílias e para as nações. E fora de Nosso Senhor Jesus Cristo – quanto mais contra Ele – nunca se encontrará a paz digna de pessoas como somos redimidas pelo seu Sangue infinitamente precioso.

Como escreve Mons. João Clá Dias, EP, baseando-se no Beato João Paulo II: “Falta a paz, hoje em dia, não somente entre as nações, mas muitas vezes, até no recinto do lar. ‘Quanta paz estaria assegurada nas relações familiares, se fosse retomada a recitação do Santo Rosário em família’, exclamou o Papa no Angelus de 29 de setembro de 2002, quando anunciou o Ano do Rosário. E na citada Carta Apostólica ele alerta: ‘A família, célula da sociedade, está cada vez mais ameaçada por forças desagregadoras a nível ideológico e prático, que fazem temer pelo futuro dessa instituição fundamental e imprescindível e, consequentemente, pela sorte da sociedade inteira’” (3).

Alguém talvez pudesse objetar: mas será que tais palavras terão algum sentido, passados tantos anos? Valerá a pena incrementar a reza do terço? Será esta devoção atual?

Sem delongas, podemos responder, em consonância com o espírito dos fiéis Macabeus (Livro dos Macabeus): O dia em que meditar os mistérios da Vida de Jesus, através do olhar de Maria – e é este o significado do Santo Rosário – ficar ultrapassado, é melhor que Deus nos leve deste mundo, pois sem Cristo e sem a Mãe de Deus, é melhor morrer do que viver numa terra devastada e sem honra.

Que a Rainha da Paz, aquela que nas aparições de Fátima disse de Si, “Eu sou a Senhora do Rosário”, nos obtenha a graça, entre tantas outras, de rezarmos com sempre maior devoção, todos os dias, o Santo Rosário. E aí poderemos sem dúvida estarmos imersos numa atmosfera de paz verdadeira, evangelizando por meio dela o mundo inteiro. Paz e Felicidade em 2014!

Por Adilson Costa da Costa

_____________________

(1) Catecismo da Igreja Católica. Tópico n. 561. 11. ed. São Paulo: Loyola, 2001, p. 159.
(2) Catecismo da Igreja Católica. Tópico n. 562. 11. ed. São Paulo: Loyola, 2001, p. 160.
(3) Mons. João S. Clá Dias, EP. Paz no mundo e nas famílias. In: _____. O inédito sobre os Evangelhos. v. I, Coedição internacional de Città del Vaticano: Libreria Editrice Vaticana, São Paulo: Instituto Lumen Sapientiae, 2013, p. 130-131.

By

Papa confia a Nossa Senhora viagem ao Brasil

Oração e confiança na intercessão de Nossa Senhora: eis o pedido e o conselho do Papa, para a sua vinda à Jornada Mundial da Juventude realizada no Rio de Janeiro.

Segue a notícia desta matéria apresentada pela Agência “Gaudium Press” (1):

Cidade do Vaticano (Segunda-feira, 22-07-2013, Gaudium Press) “Peço-vos para me acompanharem espiritualmente com oração na minha primeira Viagem Apostólica que vou realizar a partir de amanhã. Como sabeis, vou a Rio de Janeiro, no Brasil, por ocasião da 28ª Jornada Mundial da Juventude.”

Essas foram as palavras do Papa Francisco, durante a realização do Angelus neste último domingo, 21, no Vaticano. O Santo Padre pediu aos jovens para que o acompanhem espiritualmente através de suas orações durante sua estada no Brasil, onde será realizada a Jornada Mundial da Juventude (JMJ), no Rio de Janeiro.

O Pontífice também solicitou a juventude que participará da Jornada para que ouçam a Voz do Senhor, procurando questionar-se sobre qual caminho a seguir em suas vidas.

“Confiemos à intercessão da Virgem Maria, tanto amada e venerada no Brasil, estas perguntas: aquela que farão os jovens lá, e a que voz fazeis hoje: E que Nossa Senhora nos ajude nesta nova etapa da peregrinação. A todos desejo bom domingo e bom almoço”, disse o Papa.

Twitter e viagem do Papa Francisco

Na manhã desta segunda-feira, 22, o Papa Francisco fez um tuíte aos jovens brasileiros e estrangeiros que se encontram no país:

“Dentro de algumas horas chego ao Brasil, e já sinto o coração cheio de alegria, pois em breve, celebrarei com vocês a 28ª JMJ.”

O Papa embarcou nesta manhã no aeroporto de Fiumicino, em Roma, para o Brasil. O Vigário de Cristo chegará por volta das 16h (horário de Brasília) de hoje e será recebido pela Presidente da República, Dilma Rousseff. (LMI)

_____________________________________

(1) Disponível em: http://www.gaudiumpress.org/content/48893-Papa-confia-viagem-ao-Brasil-a-Nossa-Senhora